segunda-feira, 22 de novembro de 2010

O Rio sob o terror

Alex Ferraz

As autoridades do Rio de Janeiro são mesmo uns tremendos caras de pau. Desaba o morro, morrem 300, e eles dizem que foi uma fatalidade, que a culpa é dos mortos por terem ido morar no lugar errado etc. etc.

Agora, a bandidagem organizada, que há muito tempo governa a cidade dita maravilhosa, botou as manguinhas de fora e, com armas "de uso exclusivo das forças armadas", está incendiando carros, metralhando viaturas da PM e da Aeronáutica, atirando granadas em quarteis, o diabo a quatro.

A isto se chama terrorismo, em qualquer parte do mundo.

Menos no Rio, onde o reeleito (!!!) Sérgio Cabral e o prefeito Paes insistem em falar de "fatos isolados".

Haja saco para aguentar tanta cara de pau e incompetência.

Um comentário:

  1. isso tudo é resultado de 510 anos de exclusão social, meu caro alex!!!

    ResponderExcluir

Se vai acusar alguém nominalmente, identifique-se e anexe as provas. Não vamos pagar indenização na Justiça por acusações que não fizemos.